MundoGEO-Connect-hotizontaldroneshow-640px
 
 
 

O evento começou no dia 1º de setembro e vai até o dia 30 de setembro

Faça sua inscrição antecipada do PASSAPORTE (valor único) com um SUPER DESCONTO e parcele sua compra em até 10x SEM JUROS!

Lembrando que as atividades acontecerão ao vivo, uma por dia, das 14h às 18h durante 21 dias úteis, entre 1 a 30 de setembro, menos nos fins de semana e no feriado de 7 de setembro, e poderão também ser acessadas em qualquer horário no replay, após o final do evento, até 31 de março.

Se você perdeu algum atividade, pode mesmo assim fazer sua inscrição e acessar o replay desta atividade.

Opção 1 – PASSAPORTE para assistir 84 HORAS de conteúdo e 70 PALESTRANTES (valor único para TODAS as atividades: 13 Cursos + 7 Seminários + 1 Fórum):

De R$ 1.099,00 por R$ 999,00 até 30 de setembro à vista ou em até 10x de R$ 99,90

 

Opção 2 – Valor para compra de cada atividade isoladamente:

De R$ 179,00 por R$ 167,00 até 30 de setembro à vista ou em até 10x de R$ 16,70

 

Inscrições para estrangeiros (sem CPF), acesse nossa loja através deste link
Parcelamento válido para pagamentos no cartão de crédito.

Certificados de Participação: Todos os inscritos nas atividades receberão um certificado de participação.

5 Bônus dos inscritos:
• Acesso aos conteúdos online ao vivo e após o evento até 31 de março de 2021
• Acesso à Plataforma de Conexões e Negócios, que vai permitir interações online durante o evento com demais participantes e os patrocinadores do evento
• Inscrição gratuita na Semana ONLINE Drones & Geo: Agricultura & Ambiental, de 26 a 30 de outubro de 2020
• Inscrição gratuita na Semana ONLINE Drones & Geo: Cidades & Infraestrutura, de 23 a 27 de novembro de 2020
• Acesso ao replay da Semana ONLINE: Resultados & Oportunidades com Drones, realizada de 1 a 5 de junho de 2020

ATENÇÃO: Para compra de 3 ou mais inscrições para uma mesma instituição ou empresa temos preços especiais. Fale conosco!

Entre em contato:
Telefones: (41) 3338-7789 | (11) 4063-8848
E-mail: contato@mundogeo.com | WhatsApp +55 (41) 999 191 357

 

Conheça a programação completa

9º Fórum Empresarial de Drones

1 de setembro – 14h às 18h

Este fórum vai reunir especialistas para debater as mudanças na regulamentação dos drones no Brasil, provocadas pelas novas demandas da sociedade e pelos avanços tecnológicos. Serão apresentados os caminhos necessários para obtenção dos certificados de aeronavegabilidade dos drones e debatidas questões relacionadas ao sistema UTM, GNSS no apoio à aviação, penalidades para operações irregulares, formação de pilotos homologada por entidades reguladoras, entre outros temas.

Público-alvo: Especialistas, empresários da cadeia produtiva do setor, startups, investidores, entidades reguladoras e contratantes do setor público e privado.

Moderador: Emerson Granemann – DroneShow
É fundador e atual CEO da MundoGEO, empresa promotora de eventos e geradora de conteúdo nas áreas de geolocalização e drones. É coordenador dos Fóruns Empresariais destes setores. Engenheiro cartógrafo formado pela Universidade Federal do Paraná. Trabalhou no setor de produção cartográfica, onde constatou a necessidade de conectar produtores e usuários da geoinformação. Decidiu então criar o evento MundoGEO Connect. Recentemente, percebendo o imenso potencial das aplicações dos drones, criou a DroneShow com foco no profissionalismo do setor e na segurança das operações.

 

Programação:
 
14h às 14h10: Boas-vindas e introdução ao tema
Emerson Granemann – MundoGEO & DroneShow
 
14h10 às 14h50: Mudanças previstas a curto e médio prazo na regulamentação
Roberto Honorato – ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil)
 
14h50 às 15h30: Dia-a-dia das funções de autorizações das operações e o Sistema de Tráfego de Drones UTM
Major Aviadora Daniele Ferreira César Lins Chycziv, Chefe da Seção de Planejamento de Sistema de Aeronave não Tripulada do DECEA (Departamento de Controle do Espaço Aéreo)
 
15h30 às 15h35: Intervalo 1
 
15h35 às 16h15: Passo-a-passo para a obtenção do registro de empresas para executar o aerolevantamentos com drones
Cmt Muthz Barros – Ministério da Defesa (MD)
 
16h15 às 16h45: Riscos e sanções previstas para operações irregulares com drones
Roberta Fagundes Leal Andreoli – Advogada Especialista em Direito Aeronáutico e Regulatório. Sócia Especialista em Direito Aeronáutico e Direito Regulatório do Fenelon Advogados
 
16h45 às 16h50: Intervalo 2
 
16h50 às 17h20: Processo de obtenção do Certificado de Aeronavegabilidade dos Drones e Formação de pilotos para voar acima de 120 metros
Lucas Florêncio – AL Drones
 
17h20 às 17h50: 17h20 às 17h50 – EGNSS e Centro de Informação do Galileo no Brasil (GIC-BR) / Benefícios do EGNSS para a Mobilidade Aérea Urbana
Francisco Garonce (iMonitore) e Jorge Chornique (Airbus UTM)
 
17h50 às 18h: Conclusões e Encerramento
Emerson Granemann – MundoGEO & DroneShow

 

Curso: Regulamentação dos Drones

2 de setembro – 14h às 18h

Este curso tem como objetivo instruir de forma descomplicada a conjunção de instruções e regulamentos aplicáveis à operação profissional (não recreativa) de aeronaves remotamente pilotadas da classe 3. Serão abordadas as normas vigentes das seguintes agências reguladoras: ANATEL – Agência Nacional de Telecomunicações, ANAC – Agência Nacional de Aviação Civil, DECEA – Departamento de Controle do Espaço Aéreo e o MD – Ministério da Defesa. Além disso, o presente curso visa apresentar as características desse mercado que cresce de forma consistente e as suas oportunidades, assim como, detalhar os requisitos impostos pela regulamentação vigente no que tange a segurança operacional e profissional dos drones.

Público-alvo: Interessados em inovações tecnológicas e, principalmente, os que vislumbram o uso de aeronaves não tripuladas em aplicações comerciais (uso profissional) como o mapeamento aéreo voltado para a agricultura, inspeções de infraestrutura, fotografia, entre outras.

Tópicos que serão abordados:
 
• Introdução às aeronaves remotamente pilotadas (VANT x drone x RPA x Aeromodelo)
– Números do mercado de drones
– Aplicações
Exemplos de sensores
Exemplos de softwares de pós-processamento
 
• Tipos de aeronaves e suas características operacionais
– Asa fixa versus asa rotativa
 
• Legislação e regulamentação
– ANATEL
Declaração de conformidade via sistema MOSAICO
– ANAC
RBAC E94
Certidão de cadastro via sistema SISANT
– DECEA
ICA 100-40
ICA 100-12
IAC N17/2018
Solicitação de voo via SARPAS
– Ministério da Defesa
Portaria normativa 101/GM-MD
• Procedimentos pré voo
– Avaliação de risco operacional
IS E94-003
– Checklist pré-voo
Condições climáticas
Condições geográficas
Erros mais comuns
Documentação (termo de anuência, registros da aeronave, planejamento da manutenção)

Instrutor: Thiago Cicogna
Graduado em Engenharia Mecânica com ênfase em Aeronaves e Computação (2003) e Doutorado Direto (2008) em Engenharia Mecânica pela Escola de Engenharia de São Carlos (EESC-USP). MBA em Gestão Empresarial (2012) pela Fundação Getúlio Vargas e atualmente cursando Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas pelo IFSP campus São Carlos-SP. De 2008 a 2012 atuou como Engenheiro de Estruturas na TAM Linhas Aéreas S.A. na unidade MRO em São Carlos-SP e, neste mesmo período, como Professor das disciplinas Estática nas Estruturas e Resistência dos Materiais na Universidade Paulista (UNIP) campus Araraquara-SP. De 2012 a 2014 atuou como Engenheiro de Desenvolvimento do Produto na EMBRAER S.A. em Gavião Peixoto-SP e na planta de Jacksonville-FL. Atualmente é Professor Doutor do curso de Tecnologia em Manutenção de Aeronaves no IFSP campus São Carlos-SP. As principais atividades de ensino e pesquisa estão relacionadas ao apoio a produção e a manutenção e no processo de transferência (redelivery) de aeronaves comerciais através de inspeções físicas e auditoria de dados técnicos.

 

Curso: Processamento de Imagens de Drones

3 de setembro – 14h às 18h

Este curso visa apresentar conceitos e aplicações sobre processamento digital de imagens para geração de informações em mapeamentos.
 
Será abordado o uso de softwares para geração de dados geográficos em estrutura de nuvem de pontos, TIN, raster e curvas de nível. Recomenda-se que os alunos tenham conhecimentos sobre a obtenção de imagens por drones para aerofotogrametria.

Público-alvo: Profissionais que já atuam ou que pretendem atuar no setor de drones. Os alunos devem ter conhecimentos básicos sobre informática e obtenção de imagens por drones.

Tópicos que serão abordados:
• Conceitos gerais para processamento de imagens obtidas por drones
• Softwares e suas qualidades (Photoscan, Pix4D e Context Capture)
• Uso de pontos de apoio e checagem no processamento de imagens
• Geração e classificação de nuvem de pontos
• Geração de dados TIN, raster e curvas de nível
• Geração de MDT e informações para topografia (perfis, volumetria)
• Geração de MDS e ortomosaicos
• Prevenção e solução de erros e problemas em processamento de imagens
• Avaliação de acurácia e enquadramento na norma INCRA para georreferenciamento de imóveis rurais

Instrutor: George Longhitano
Diretor da G drones, é geógrafo e mestre em geoprocessamento pela USP. Estuda e desenvolve aplicações de drones em mapeamentos desde 2005. Possui experiência de doze anos como coordenador de projetos e de nove anos como professor de cursos de graduação e pós-graduação de disciplinas de VANT e drones, sensoriamento remoto, geoprocessamento e cartografia.

 
 
 

Curso: Drones para Mapeamento Ambiental

4 de setembro – 14h às 18h

Fique por dentro da legislação, escolha de drones, mercado e precificação para serviços de mapeamento e estudos ambientais. Este curso apresentará as principais leis e normas pertinentes ao uso de drones, além de uma visão panorâmica sobre o mercado de drones em mapeamento e meio ambiente no Brasil. Abordará também as características e escolha de drones para projetos. Ao final, serão apresentados exemplos de precificação de serviços por meio de drones e os desafios deste mercado ainda em amadurecimento.

Público-alvo: Profissionais de várias áreas que precisem de subsídios para escolher a melhor aeronave, sensor e software de acordo com o escopo de seus projetos e queiram iniciar seus trabalhos em mapeamento e estudos ambientais.

Tópicos que serão abordados:
• Legislação incidente – ANATEL, ANAC, DECEA, Ministério da Defesa e INCRA
• Procedimentos legais para realização de voos
• Mercado de mapeamento por meio de drones no mundo e no Brasil
• Características e especificações de drones para mapeamento e estudos ambientais
• Multirrotores e asas fixas – diferenças e qualidades
• Precificação de serviços
• Desafios legais, técnicos e comerciais no mercado de mapeamento e meio ambiente
• Conceitos em sensoriamento remoto e resoluções de sensores
• Câmeras e sensores disponíveis para embarcar em drones
• Conceitos de aerofotogrametria
• Introdução à execução de voos automáticos e captação de imagens
• Introdução ao processamento de imagens
• Exemplos de aplicações de drones em estudos ambientais
– Mapeamento cadastral
– Mapeamento e monitoramento de uso do solo
– Monitoramento geotécnico
– Monitoramento de processos erosivos e de assoreamento
– Estudos de rompimento de barragens e áreas afetadas
– Monitoramento de plantio e supressão de vegetação
– Monitoramento de PRAD
– Monitoramento de fauna
– Monitoramento de macrófitas aquáticas
– Diagnósticos em desastres e emergências ambientais

Instrutor: George Longhitano
Diretor da G drones, é geógrafo e mestre em geoprocessamento pela USP. Estuda e desenvolve aplicações de drones em mapeamentos desde 2005. Possui experiência de doze anos como coordenador de projetos e de nove anos como professor de cursos de graduação e pós-graduação de disciplinas de VANT e drones, sensoriamento remoto, geoprocessamento e cartografia.

 
 
 

Curso: Drones para Aerolevantamentos

8 de setembro – 14h às 18h

Assim como a Aerofotogrametria tripulada, os levantamentos utilizando drones têm conceitos e legislação específica. Empresas de drones que atuam ou desejam atuar com Aerolevantamentos devem seguir as regras do Ministério da Defesa. Existem três categorias no processo de aerolevantamento nas quais as empresas podem requisitar o cadastro: A – para entidades que realizam todas as fases do aerolevantamento; B – para as entidades que realizam apenas a fase aeroespacial; e C – para as entidades que realizam a fase decorrente do aerolevantamento, isto é, recebem os originais de Aerolevantamento provenientes do voo e geram o produto primário e seus produtos decorrentes. O objetivo é mostrar de maneira geral e simples o que é necessário para realização de projetos de mapeamento aéreo com drones, desde os conceitos básicos da aerofotogrametria, até a avaliação dos produtos cartográficos gerados.

Público-alvo: O curso é direcionado para quem deseja entrar no mercado de mapeamento aéreo com drones ou complementar a sua atividade com esta tecnologia de aquisição de informações.

Tópicos que serão abordados:
• Tipos de Drones e Câmeras para Aerolevantamento
• Softwares utilizados:
• Softwares de planejamento de missão
• Softwares de processamento para geração de ortomosaicos e MDS
• Softwares de tratamento de dados
• Definição da quantidade e da distribuição dos pontos de apoio
• Definição da escala do levantamento
• Levantamentos com Drones que possuem RTK embarcado
• Processamento dos dados
• Edição e avaliação da qualidade dos ortomosaicos gerados;
• Geração de curvas de nível
• Extração de feições;
• Avaliação dos modeles segundo PEC (Padrão de Exatidão Cartográfica)

Instrutor: Maurício Campiteli
Gerente de Produto VANT na Santiago & Cintra Geo-Tecnologias, Engenheiro Cartógrafo formado na FCT UNESP de Presidente Prudente. Trabalho com mapeamento aéreo com RPA dês de 2015, tanto na área de capacitação como em projetos de aerolevantamento para grandes obras de engenharia.

 
 
 
 

Curso: Drones para Topografia

9 de setembro – 14h às 18h

Neste curso serão abordados teoria e exemplos práticos de fotogrametria por Drone, usando o modelo Phantom como exemplo, tipos de câmeras e sensores que podem ser embarcados nestes, além de aprender como proceder como realizar um voo automático e gerar produtos cartográficos, além das análises estatísticas a serem aplicadas para a validação do produto gerado e quais os melhores parâmetros a serem configurados no software de processamento, levando em consideração a aplicação que os dados serão usados.

Público-alvo: O curso é voltado aos profissionais da área de agrimensura, cartografia e correlatas que atuam ou pretendam atuar com Topografia usando drones, com o objetivo de usar os dados derivados como insumo ou no desenvolvimento de projetos, e que já tenham conhecimentos básicos sobre o assunto.

Tópicos que serão abordados:
• Conceitos de Fotogrametria
• Tipos de câmeras e sensores
• APPs para planejamento de voo
• Legislação e normas sobre uso de Drones para Topografia
• Planejamento de voo
• Configuração de hardware para processamento
• Processamento básico dos dados
• Usando SRTM no planejamento e no voo
• Implantação de pontos de apoio e de check
• Parâmetros a usar no processamento de dados em área urbana ou rural
• Processando e gerando dados cartográficos
• Processamento e geração de MDT / Cálculo volumétrico
• Aplicando testes estatísticos e validando os produtos/span>

Instrutor: Danilo A. Rodrigues
Diretor técnico e fundador da empresa GeoSurv Engenharia e Geomática. Empresa provedora de serviços na área de Agrimensura e Cartografia. Engenheiro Cartógrafo formado pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho – UNESP. Atuando há 13 anos no mercado de Geotecnologias.

 
 
 
 

Curso Básico: Drones na Agricultura

10 de setembro – 14h às 18h

Hoje, os drones são aliados na Agricultura, com ganhos de produtividade e redução de custos. Neste curso será detalhado o ciclo de agricultura de precisão, desde os métodos de sensoriamento remoto até processamento de dados, com foco nos conceitos e na escolha de equipamentos, acessórios e softwares.

Público-alvo: Este é um treinamento indicado para quem já tenha conhecimentos básicos sobre drones e tenha interesse em ir além no uso de drones na Agricultura.

Tópicos que serão abordados:
• O ciclo de agricultura de precisão na agricultura
– Sensoriamento
– Análise
– Atuação
• Métodos de sensoriamento remoto na agricultura de precisão
– Histórico do sensoriamento remoto com drones
– Como selecionar seu drone para sensoriamento na Agricultura de Precisão
– Como selecionar os sensores e outros acessórios na Agricultura de Precisão
• Métodos de processamento de dados para agricultura de precisão
– Softwares de cálculo de índices
– Softwares de classificação orientada a objetos
• Métodos de atuação da agricultura de precisão
– Histórico da atuação do sensoriamento com drones
– Como selecionar seu drone para atuação na Agricultura de Precisão
– Como selecionar os acessórios para atuação na Agricultura de Precisão
• Métodos de processamento de dados para agricultura de precisão
– Aplicação de agentes biológicos
– Aplicação de agentes químicos

GiovaniInstrutor: Giovani Amianti
Engenheiro mecatrônico formado pela Poli-USP e mestre em sistemas aviônicos de RPAS pela Poli-USP. Iniciou o desenvolvimento de drones em 2004 e em 2007 fundou a XMobots. Esteve à frente de projetos já consagrados no mercado nacional de RPAS, como os drones Nauru 500x, que foi o primeiro avião não tripulado privado do Brasil autorizado a voar pela ANAC além do Echar 20x recentemente utilizado pelo INCRA para georreferenciamento de imóveis rurais e Arator 5x que se consolidou no mercado sucroalcooleiro. Atualmente é o CEO da XMobots, considerada uma das líderes na América Latina do segmento de Drones para Agricultura.
 
 
 

Curso Avançado: Drones na Agricultura

11 de setembro – 14h às 18h

O uso avançado de drones na Agricultura, além de ganhos de produtividade e redução de custos, gera continuamente dados para tomada de decisão no futuro. Neste curso avançado serão detalhados três cases do uso de drones na Agricultura: cana de açúcar, silvicultura/citricultura/cafeicultura e grãos.

Público-alvo: Este é um treinamento indicado para quem já tenha conhecimentos básicos sobre drones na Agricultura e tenha interesse em se aprofundar no tema através de estudos de caso.

Tópicos que serão abordados:
• Estudo de caso 1 – Cana de açúcar
– Cálculo de volume de bagaço de cana
– Análise de topografia, fluxo de enxurrada, definição de pontos críticos de erosão, projeto de terraços e de escoamento superficial difuso
– Restituição de linhas de plantio para projeto logístico de tiro de colheita e georreferenciamento de colheita automática
– Localização de falhas de plantio pelo método de Stolf
– Análise fitossanitária nas fases de perfilamento e maturação
– Matologia – identificação e tratamento de invasoras nas fases de perfilamento e maturação
• Estudo de caso 2 – Silvicultura, Citricultura e Cafeicultura
– Contagem de indivíduos
– Cálculo de diâmetro de copa
– Cálculo de falhas de plantio
– Análise fitossanitária (ex. phytophthora, greening, etc)
– Matologia (identificação e tratamento de invasoras)
• Estudo de caso 3 – Grãos
– Estimativa de déficit nutritivo
– Cálculo de necessidade de nitrogênio e avaliação de resultados na aplicação de nitrogênio
– Análise fitossanitária (ex. nematóides, mosaico de trigo, ferrugem de cabeça, etc)
– Matologia (identificação e tratamento de invasoras)

GiovaniInstrutor: Giovani Amianti
Engenheiro mecatrônico formado pela Poli-USP e mestre em sistemas aviônicos de RPAS pela Poli-USP. Iniciou o desenvolvimento de drones em 2004 e em 2007 fundou a XMobots. Esteve à frente de projetos já consagrados no mercado nacional de RPAS, como os drones Nauru 500x, que foi o primeiro avião não tripulado privado do Brasil autorizado a voar pela ANAC além do Echar 20x recentemente utilizado pelo INCRA para georreferenciamento de imóveis rurais e Arator 5x que se consolidou no mercado sucroalcooleiro. Atualmente é o CEO da XMobots, considerada uma das líderes na América Latina do segmento de Drones para Agricultura.
 
 
 

Curso: Inspeções com Drones

14 de setembro – 14h às 18h

Este curso de inspeções com drones detalha as técnicas de coletas de dados visuais, o uso da inteligência artificial e explora alguns estudos de casos, realizados em Singapura e no Brasil.O curso avançado detalha as técnicas de coletas de dados visuais, o uso da inteligência artificial e explora alguns estudos de casos, realizados em Singapura e no Brasil.

Público-alvo: Indicado para empresas de Engenharia com atividades de inspeções prediais, bem como profissionais dos segmentos de facility management e seguradoras de ativos imobiliários, além de construtoras e empresas de serviços com drones interessadas em inspeções prediais e no ganho de produtividade nas inspeções com drones e análise dos dados.

Tópicos que serão abordados:
• Inspeções e Vistorias na Construção Civil com Drones
– Métodos Tradicionais de Inspeções de Fachadas
– Métodos Tradicionais de Inspeções de Pontes e Viadutos
– Percepções Iniciais dos Benefícios das Inspeções com Drones
• Oportunidades Para Inspeções e Vistorias de Fachadas com Drones
• Regulamentação vigente para RPAS (drones) focada nas atividades de inspeções prediais
• Solicitação de Voos com drones no DECEA
• Principais atividades do fluxo de trabalho com RPAS da inspeção ao relatório técnico
• Riscos durante a operação de inspeção como mitigá-los
• Avaliação de risco operacional.
• Procedimentos para elaboração da avaliação de risco operacional
• Cenário de avaliação hipotético em inspeções de fachadas
• Anomalias que podem ser analisadas a partir de dados coletados por RPAS e seus sensores
• Quais as principais características do drone ideal para inspeções de fachadas e telhados?
• Modelos e marcas de RPAS mais utilizados para a realização das inspeções prediais
– Avaliação por sensor, resolução, distância focal, dimensão da imagem, GSD cm/pixel, obturador, sensor de obstáculo, autonomia, redundância controlador de voo, redundância na navegação, redundância comunicação, redundância bateria, sensor duo, blindagem eletromagnética, custo, peso, RTH inteligente, Resistência ao Vento, Receptor ADS-B, aplicativos de plano de voo.
• Aerofotogrametria – conceitos e definições
• Como calcular a resolução dos pixels da imagem na fachada? Ou a distância?
• Como estimar o número de imagens coletadas numa inspeção?
• Considerações sobre sensores embarcados em RPAS para fins de inspeções prediais
• Câmeras Termais
• Produtividade nos serviços com drones para fins de inspeções prediais
• Metodologias
• Planos de voos para inspeções prediais
• Tendências tecnológicas e inovações no segmento de inspeções a partir dos drones (RPAS)
• A PLATAFORMA H3ZOOM FACADE INSPECTOR
• Coleta de dados manual e automatizada
• IRIS – ferramentas digitais para análise e validação dos dados
• FAÇADE INSPECTOR REPORT – relatórios gerados

Instrutor: Emílio Hoffman
Engenheiro eletricista pela UFPR, autor do livro A Era do Hidrogênio, das Energias Renováveis e Células a Combustível, e pós-graduando em RPAs (Drones) e VANTs em Aplicações Civis e Comerciais – PUCPR. É co-fundador e diretor de operações na América Latina da H3 Dynamics, empresa com sede matriz em Cingapura e que desenvolve soluções disruptivas que convergem diversas áreas da tecnologia, tais como: células a combustível a hidrogênio ultraleves para drones de longa autonomia, plataformas robóticas para automação de missões remotas de drones, e plataformas de inteligência artificial para processamento dos dados coletados por drones. Também é diretor de desenvolvimento de negócios da H3ZOOM.AI (inteligência artificial) e da HES Energy Systems (células a combustível H2) na América Latina, ambas subsidiárias da H3 Dynamics. É fundador da Brasil H2, empresa fundada em 2003 e dedicada às tecnologias de células a combustível para diversas aplicações.

 
 

Curso: Monitoração de Obras

15 de setembro – 14h às 18h

Para obtermos os resultados esperados sem surpresas indesejadas e principalmente garantir a segurança das pessoas e investimentos, o Monitoramento se prova cada vez mais essencial e indispensável. Novas tecnologias vêm contribuindo a cada dia com a evolução dos equipamentos e técnicas deste processo. Neste curso avançado serão apresentadas aplicações, dados obtidos, técnicas atuais, instrumentações de precisão utilizadas e produtos gerados, tanto para obras de menor porte quanto para barragens.

Público-alvo: Profissionais interessados no conhecimento de técnicas, tecnologias e metodologias, aplicadas em processos de monitoramento e avaliação de obras de pequeno a grande porte.

Tópicos que serão abordados:
• Introdução ao Mundo da Construção Digital
• Planejamento e antecipação de problemas
• Metodologias de coleta de dados e informações
• Digitalização de projetos e BIM
• Equipamentos e tecnologias de coleta de dados
• Auditoria Estrutural
• Monitoramento na construção civil
• Monitoramento de barragens e estruturas de grande porte
• Exemplos de fluxos de trabalho e produtos
• Discussão e estudos de caso

Instrutor: Rogério Carlos Weigert Junior
Equipe Leica Geosystems, responsável pelas áreas de produtos e soluções voltadas ao Monitoramento de Barragens e Estruturas de grande porte. Engenheiro Cartógrafo e Agrimensor – UFPR (Curitiba/Brasil). Pós-Graduado em Auditoria, Avaliação e Perícias em Engenharia – IPOG/PR Experiência profissional: com mais de cinco de 5 anos de experiencia nas áreas de Monitoramento de Estruturas e Auditoria Estrutural em obras de Engenharia e Construção Civil, atualmente faz parte do grupo Hexagon, na Leica Geosystems, contribuindo com as áreas de produtos e soluções voltadas ao Monitoramento de Barragens e Estruturas de grande porte.

 
 
 

Curso: Análise Espacial para Tomada de Decisões

16 de setembro – 14h às 18h

O curso abordará a importância do olhar geográfico para a compreensão de fenômenos complexos. Será apresentado quais ferramentas um analista espacial pode utilizar para melhorar suas decisões, ou orientação a tomadores de decisões dentro das organizações. Será demonstrado como a incorporação da estatística espacial é um poderoso recurso para tomada de decisões estratégicas. Explicitaremos metodologias de análise espacial, com demonstração de cases de sucesso no brasil e no mundo.

Público-alvo: Profissionais que atuem ou pretendem atuar nas áreas de geografia, arquitetura, engenharias, cartografia, agrimensura, administração e demais áreas correlatas. O curso tem o objetivo de abrir a mente dos alunos sobre a importância de uma adequada análise espacial para decisões estratégicas.

Tópicos que serão abordados:
 
• Análise Espacial como diferencial estratégico
– O pensar geográfico
– Ciclo de inteligência Geográfica
– Busca por padrões espaciais
 
• SIG e os Negócios
– Entendendo e aplicando as categorias de análise da Geografia em decisões de negócios: Lugar, Paisagem, Território , Região e Espaço;
– Interação entre a economia e a geografia econômica;
– Modelos Econômicos espaciais: Von Thünen (1826), Weber (1909) e Chirstaller (1933)
 
• Informação geográfica estratégica para comunicar decisões
– Como mentir com mapas? e como não ser enganado por um?
– Uma imagem fala mais que mil palavras, um mapa fala mais que mil imagens
 
• Estatística espacial em processos de decisões complexas
– Os principais aspectos da estatística espacial
– Impacto do ONDE
– Existem padrões no comportamento geográfico de todos os fenômenos
 
• Cases de aplicações da análise espacial para decisões complexas
– Salvando vidas (resposta e emergência)
– Ganhando guerras (Uso militar)
– Expandindo negócios (Geomarketing)
– Entendendo padrões sociais (Comportamento eleitoral)
– Melhorando qualidade de vida (Smart City)

Instrutor: Julio Ribeiro.
Graduação e Mestrado em Geografia. Experiências profissionais nos campos da licenciatura, bacharelado e empreendedorismo. Atualmente é CEO do Grupo HUBSE, sendo este responsável pelo Instituto GEOeduc e AcademiaGIS Imagem/Esri BR. Fundador/presidente da APROGEO-MG. Experiência docente nas universidades UniBH, UNA e PUCMinas, São Judas Tadeu, Facens e FGV. Coordenou o curso de Geografia e foi diretor do Instituto de Engenharia e Tecnologia. Atuou como gerente de marketing na Imagem/EsriBR. Principais áreas de interesse:Educação, Análises espaciais e Smart Cities.

 
 

Curso: Georreferenciamento de Imóveis Rurais

17 de setembro – 14h às 18h

As dúvidas que envolvem o Georreferenciamento de Imóveis Rurais e o uso do Sistema de Gestão Fundiária (SIGEF) do Incra são comuns e frequentes entre os profissionais que atuam nesta área. Este curso avançado tem como objetivo dar uma introdução ao Georreferenciamento e Certificação de Imóveis Rurais e tirar as principais dúvidas de quem atua ou pretende atuar no setor com responsabilidade e qualidade.

Público-alvo: Profissionais que atuam ou pretendem atuar na área de Georreferenciamento de Imóveis Rurais, estudantes da área, registradores de imóveis e até proprietários de imóveis que desejam entender e acompanhar os trabalhos em seus imóveis.

Tópicos que serão abordados:
• Sobre o Georreferenciamento
– Importância do Georreferenciamento para o Brasil e para os proprietários de imóveis rurais
– Diferença entre precisão e acurácia
– Reocupação de marcos certificados
– Utilização de vértices virtuais (quando utilizar e métodos para obtenção dos mesmos)
– Anuência dos confrontantes (como agir em caso de recusa da anuência)
– Usucapião e a certificação – quando e como certificar
– Reflexão do 1º módulo: As maiores dificuldades estão no campo ou no escritório?
• SIGEF – Desmembramento e Remembramento de Imóveis Rurais
– Documentação necessária para o SIGEF e para o registro de imóveis
– Diferença entre a área do perímetro e as áreas do desmembramento
– Como proceder no SIGEF (imóveis certificados antes e após a 3ª Norma Técnica)
– Reflexão do 2º módulo: após 6 anos e meio como anda o SIGEF? Está valendo a pena?
• Georreferenciamento e o profissional
– Precificação: como calcular os preços do Georreferenciamento
– As dificuldades encontradas no campo, escritório e cartório
– Como organizar os trabalhos para obter maior produtividade
– Importância e elaboração do contrato
– Como captar clientes
– Reflexão do 3º módulo: Como “driblar” a concorrência desleal?
• Notas devolutivas do Registro de Imóveis quando da solicitação de averbação do Geo
– Apresentação e estudo de vários casos reais, a fim de evitar erros
– Reflexão do 4º módulo: O cartório é “amigo” ou um obstáculo?
• Uso de drone no Georreferenciamento
– Como andam os trabalhos com drones no Georreferenciamento?
– Principais obstáculos encontrados
– Reflexão do 5º módulo: o que evoluiu nos trabalhos com drone no Geo?

Margarete Maria José OliveiraInstrutora: Margarete Maria José Oliveira
Cursou Geoprocessamento no Instituto Federal de Goiás (IFG) e diversos cursos e seminários ligados à área de Georreferenciamento de Imóveis Rurais, Imagens de Satélite, Cadastro Ambiental Rural (CAR), dentre outros. É sócia-fundadora da empresa TGR Treinamentos, onde atua como instrutora de cursos teóricos e práticos na área de montagem de processos para Georreferenciamento e Certificação de Imóveis Rurais, levantamento em campo utilizando GPS e RTK , Reserva Legal, CAR, entre outros. Trabalha há mais de seis anos com Georreferenciamento de Imóveis Rurais e montagem de processos de Georreferenciamento e Reserva Legal, atendendo pessoas físicas e jurídicas de diversos estados do Brasil. Participa como palestrante na conferência MundoGEO#Connect LatinAmerica, em seminários online MundoGEO e como articulista na revista MundoGEO, sobre o tema Georreferenciamento e Certificação de Imóveis Rurais.

Curso: Cadastro Técnico e Georreferenciamento de Imóveis Urbanos

18 de setembro – 14h às 18h

Ao longo das últimas décadas evoluem, no Brasil, os conceitos associados ao Cadastro Técnico Multifinalitário. Esta evolução vem associada ao georreferenciamento de imóveis rurais, forma mais adequada de individualizar parcelas e direitos a ela associados em um único referencial confiável. Hoje, avançamos ainda mais na governança de terras com o desenvolvimento do Sistema Nacional de Gestão de Informações Territoriais (Sinter) e os projetos de Regularização Fundiária Urbana. Neste curso serão abordados conceitos de Cadastro Técnico Multifinalitário e o Georreferenciamento de Imóveis Urbanos.

Público-alvo: Profissionais que atuam ou pretendem atuar neste setor, em âmbito público ou privado.

Tópicos que serão abordados:
• Introdução ao Cadastro Técnico Multifinalitário
• Legislações e normas que impactam o georreferenciamento de imóveis urbanos
• Semelhanças e diferenças em relação ao georreferenciamento de imóveis rurais
• Rede de Referência Cadastral Municipal (RRCM)
• Tecnologias e métodos disponíveis para o georreferenciamento urbano
• Sinter – conceitos, realidade atual e perspectivas futuras

Instrutor: Alessandro Machado
Diretor da ABM Agrimensura. Engenheiro Civil e Engenheiro Agrimensor.

 
 
 

Curso: Big Data, Data Science e GeoAnalytics

21 de setembro – 14h às 18h

Big Data, Ciência de Dados (ou Data Science), Machine Learning e GeoAnalytics são termos muito comentados atualmente.
 
Em que consistem? O que há realmente de novo nessas tecnologias e conceitos?
 
Este curso avançado aborda os conceitos de big data, data science e machine learning aplicados no contexto do uso da informação geográfica e da Estatística Espacial, explorando estudos de casos e tendências tecnológicas e ferramentas e a integração de técnicas analíticas.

Público-alvo: Profissionais que já atuam ou que pretendem atuar na área de Ciência de Dados, integrando GIS e ferramentas de Big Data para a tomada de decisão.

Tópicos que serão abordados:
• Big Data Analytics – Conceitos, Tendências e Estado-da-arte
• Geo Analytics
• Bancos de Dados Públicos – Ciência, Oportunidades e Desafios
• Estatística Espacial – Conceitos e Aplicações
• Inteligência Artificial, Machine Learning e Deep Learning – Conceitos e Aplicações
• Integração de Técnicas Analíticas

Instrutor: Eduardo de Rezende Francisco
Professor de Carreira da FGV-EAESP. Fundador do grupo de estudos GisBI. Membro do Conselho Curador da Fundação SEADE. Doutor (2010) e Mestre (2006) em Administração de Empresas pela Fundação Getulio Vargas – EAESP e possui graduação em Bacharelado em Ciência da Computação pelo Instituto de Matemática e Estatística da Universidade de São Paulo (1999).

 
 

Seminário: Topografia 3D e Laser Scanning

22 de setembro – 14h às 18h

Este seminário vai reunir especialistas para apresentar projetos e conceitos para reforçar a crescente importância da Topografia 3D, além de apresentar as utilizações do Laser Scanning em projetos de engenharia, infraestrutura, mineração, entre outros.

Público-alvo: Profissionais que atuam na área de arquitetura, engenharia, geologia em projetos de construção civil e infraestrutura.

Eduardo FreitasModerador: Eduardo Freitas
Coordenador de Conteúdos da MundoGEO & DroneShow

 
 

Programação:
 
14h às 14h10: Boas-vindas e introdução ao tema
Eduardo Freitas – MundoGEO & DroneShow
 
14h10 às 14h45: Desafios atuais da Monitoração de Estruturas
Régis Bueno – Geovector
 
14h45 às 15h20: Inspeção e mapeamento com drones em espaços confinados e de difícil acesso
Luis Andrade – Dronesapps
 
15h20 às 15h25: Intervalo 1
 
15h25 às 16h: Precisão subcentimétrica utilizando Drones, Inteligência Artificial e softwares de processamento de imagens
Emanuele Traversari – Consultor Internacional
 
16h às 16h35: Soluções em escaneamento 3D: inovações tecnológicas
Luiz Dalbelo – Engenheiro Cartógrafo – S&C
 
16h35 às 16h40: Intervalo 2
 
16h40 às 17h15: Laser Scanner aéreo embarcado em Drones
Boaz Teixeira – CPE Tecnologia
 
17h15 às 17h50: Laser Scanning 3D Indoor
Adriano Scheuer – Faro
 
17h50 às 18h: Conclusões e Encerramento
Eduardo Freitas – MundoGEO & DroneShow 
 

Seminário: Geo & Drones na Construção Civil

23 de setembro – 14h às 18h

Este seminário vai reunir especialistas em monitoração, inspeções e perícias, que apresentarão demandas do mercado e casos de sucesso de soluções e inovações que utilizam geotecnologias, drones e BIM nas ações de manutenção preditiva, monitoramento contínuo e inspeções na construção civil, indústria e em grandes obras de engenharia e de infraestrutura. Estarão em destaque o estado-da-arte das tecnologias disponíveis de alta precisão e a inteligência artificial para processamento dos dados.

Público-alvo: Profissionais que atuam na gestão e na prestação de serviços de manutenção e inspeções em rodovias, ferrovias, aeroportos, pontes, viadutos, linhas de transmissão, estações rádio base de telecomunicações, usinas eólicas e solares, instalações industriais, inspeções prediais e de obras na construção civil.

Moderador: Emerson Granemann – DroneShow
É fundador e atual CEO da MundoGEO, empresa promotora de eventos e geradora de conteúdo nas áreas de geolocalização e drones. É coordenador dos Fóruns Empresariais destes setores. Engenheiro cartógrafo formado pela Universidade Federal do Paraná. Trabalhou no setor de produção cartográfica, onde constatou a necessidade de conectar produtores e usuários da geoinformação. Decidiu então criar o evento MundoGEO Connect. Recentemente, percebendo o imenso potencial das aplicações dos drones, criou a DroneShow com foco no profissionalismo do setor e na segurança das operações.

 

Programação:
 
14h às 14h10: Boas-vindas e introdução ao tema
Emerson Granemann – MundoGEO & DroneShow
 
14h10 às 14h50: A compatibilização entre drones, inteligência artificial e escaneamento 3D para projetos de restauro arquitetônico
Tobias Bonk Machado – Diretor – Creatos Arquitetura e Sustentabilidade Ltda
 
14h50 às 15h30: Da Nuvem de pontos ao Projeto MEP/BIM
Guilherme Augusto de Brino Neves – Diretor de Tecnologia – MHA Engenharia Ltda
 
15h30 às 15h40: Intervalo 1
 
15h40 às 16h20: Levantamento cadastral arquitetônico com uso de drone
Aline Lago Guimarães – Diretora – Ortopixel – Soluções com Drones e Geotecnologias
 
16h20 às 17h: Desafios na Digitalização de Ativos de Médio e Grande Porte – Case: Usina do Gasômetro de Porto Alegre
Eduardo Pasini Corrêa de Oliveira – BIMSTART
 
17h às 17h10: Intervalo 2
 
17h10 às 17h50: Uso de Tecnologias Abertas para o Processamento de Imagens
Alexsandro Rodrigues Pinheiro – Técnico/Celtab – Parque Tecnológico Itaipu
 
17h50 às 18h: Conclusões e Encerramento
Emerson Granemann – MundoGEO & DroneShow
 

Seminário: Geo, Drones e BIM na Infraestrutura e Transportes

24 de setembro – 14h às 18h

Este seminário vai reunir especialistas para apresentar soluções inovadoras no uso das geotecnologias, drones, BIM e suas aplicações em projetos e processos de planejamento, construção, manutenção, monitoramento e gestão de rodovias, ferrovias, hidrovias, portos, aeroportos, usinas hidrelétricas, sistemas de transmissão de energia, etc.
 
O principal objetivo do seminário será promover debates e apresentações demonstrando a aplicabilidade da integração entre as Geotecnologias, levantamentos via drones e o BIM na construção digital, principalmente suas aplicações nas principais obras de infraestrutura do país, em todas suas fases, desde as etapas de planejamento até a gestão e manutenção destas infraestruturas. O evento abordará, inclusive, o status da implementação atual do BIM no Brasil e sua integração com as ferramentas GIS, promovendo o aumento na produtividade da indústria da construção por meio desta transformação digital.

Público-alvo: Gestores e especialistas da administração pública e profissionais de empresas prestadoras de serviços na área de infraestrutura e transporte em geral.

Eduardo FreitasModerador: Eduardo Freitas
Coordenador de Conteúdos da MundoGEO & DroneShow

 
 

Programação:
 
14h às 14h10: Boas-vindas e introdução ao tema
Eduardo Freitas – MundoGEO & DroneShow
 
14h10 às 14h45: BIM e GIS a união de dois mundos
Pedro Luis Soethe Cursino – Team Lead of Brazil Technical Sales Specialist – Autodesk
 
14h45 às 15h20: Soluções inteligentes: Smart Transportation
Juliano Lazaro – Sales Manager South America – Hexagon Geospatial
 
15h20 às 15h25: Intervalo 1
 
15h25 às 16h: Nuvem de pontos aplicada à Inspeção de OAE’s e utilização do BIM
Letícia Andrade – Engemap
 
16h às 16h35: Aplicabilidade dos Drones no Programa de Monitoramento dos Ativos Federais de Infraestrutura de Transportes Aquaviários – ProMAq do DNIT
Eliezé Bulhões de Carvalho – Coordenador de Operações Aquaviárias – DNIT
 
16h35 às 16h40: Intervalo 2
 
16h40 às 17h15: Inventariança Ferroviária – Novo Modelo de Gestão com uso de Geotecnologias (BI e Drones)
Bruno Nogueira da Costa e Julio Henriques Fernandes Cesar – Superintendência de Meio Ambiente e Desapropriação, SAUS – VALEC
 
17h15 às 17h50: Análise Multiescala para Definição de Traçados Rodoviários
Raphael de Oliveira Borges – Analista de Infraestrutura de Transportes – Geoprocessamento / CGPLAN-DPP – DNIT
 
17h50 às 18h: Conclusões e Encerramento
Eduardo Freitas – MundoGEO & DroneShow
 

Seminário: Geo & Drones na Energia

25 de setembro – 14h às 18h

Este seminário vai reunir especialistas para apresentar como as soluções geoespaciais, incluindo os drones, estão sendo usadas em projetos na área de geração, transmissão e distribuição de energia.

Público-alvo: Especialistas e profissionais ligados a gestão pública e a empresas prestadoras de serviços nas áreas de energia.

Moderador: Emerson Granemann – DroneShow
É fundador e atual CEO da MundoGEO, empresa promotora de eventos e geradora de conteúdo nas áreas de geolocalização e drones. É coordenador dos Fóruns Empresariais destes setores. Engenheiro cartógrafo formado pela Universidade Federal do Paraná. Trabalhou no setor de produção cartográfica, onde constatou a necessidade de conectar produtores e usuários da geoinformação. Decidiu então criar o evento MundoGEO Connect. Recentemente, percebendo o imenso potencial das aplicações dos drones, criou a DroneShow com foco no profissionalismo do setor e na segurança das operações.

 

Programação:
 
14h às 14h10: Boas-vindas e introdução ao tema
Emerson Granemann – MundoGEO & DroneShow
 
14h10 às 14h45: Uso de Drones no setor de Óleo & Gás
João Luiz Bullos Santos e Wilson José de Oliveira – Petrobras
 
14h45 às 15h20: Aplicações na inspeção de ativos usando drones voando BVLOS e acima de 400 pés
Décio Gomes Palhas – Engenheiro de Certificação Junior da Xmobots
 
15h20 às 15h25: Intervalo 1
 
15h25 às 16h: Drone para instalação de esferas de sinalização em linhas de transmissão
Guilherme de Almeida Neves – Engenheiro – DroneBall
 
16h às 16h35: UHE Sobradinho – Atualização das curvas Cota x Área x Volume, em atendimento a Resolução Conjunta ANEEL/ANA nº 03, de 10 de agosto de 2010
Edgar dos Reis e José Armando Silva de Oliveira – Engenheiro Cartógrafo / DEPG – Departamento de Geotecnologias e Engenheiro Cartógrafo / Gestor do Projeto – CHESF – Companhia Elétrica do São Francisco; Topocart
 
16h35 às 16h40: Intervalo 2
 
16h40 às 17h15: Uso de Drones e Análise Espacial para Quantificação da Geração de Energia Fotovoltáica no Contexto de Cidades Inteligentes
Daniel Salim – Universidade Federal de Minas Gerais
 
17h15 às 17h50: Monitoramento de macrófitas aquáticas em reservatório da região norte do Brasil
Carlos Jamel – Novaterra
 
17h50 às 18h: Conclusões e Encerramento
Emerson Granemann – MundoGEO & DroneShow

 

Seminário: Geo & Drones na Mineração

28 de setembro – 14h às 18h

Este seminário vai reunir especialistas que têm demandas e utilizam as Geotecnologias, incluindo os drones, integradas a Indústria 4.0 para o setor de mineração, envolvendo as etapas de mapeamento, projeto, acompanhamento da implantação, manutenção preditiva e monitoramento contínuo.

Público-alvo: Profissionais de órgãos públicos e empresas privadas que atuam ou pretendem atuar com drones e/ou geotecnologias nas áreas de mineração e afins.

Eduardo FreitasModerador: Eduardo Freitas
Coordenador de Conteúdos da MundoGEO & DroneShow

 
 

Programação:
 
14h às 14h10: Boas-vindas e introdução ao tema
Eduardo Freitas – MundoGEO & DroneShow
 
14h10 às 14h40: Realidade Virtual e Aumentada, Inteligência Artificial, Internet das Coisas, Drones: Tecnologias da Transformação Digital no setor de Mineração
Patrícia Procópio – XRLab
 
14h40 às 15h10: Automação na Mineração Através das Geotecnologias
Luiz Fernando Antonio Dalbelo – Gerente Comercial – Santiago & Cintra Geotecnologias
 
15h10 às 15h15: Intervalo 1
 
15h15 às 15h45: A utilização de Drones multirrotores para analise de risco de desmoronamento de pilha e controle de estoque de minério de ferro
Felipe Ferreira e Pedro Grijo – Tecs, Geoprocessamento – Controle de Qualidade – VALE S/A
 
15h45 às 16h15: O ganho tecnológico com o uso de drones de baixo custo em minerações de micro e pequeno porte
Tiago Rocha Faria Duque – P&D – TDMaps
 
16h15 às 16h45: Aferições do Padrão de Exatidão Cartográfica Classe A (PEC A) Altimétrica no Modelo Digital de Terreno (MDT) AW3D com o uso do software GeoPEC. Estudos de caso de MDT’s para DAM BREAK em localidades nos estados de Minas Gerais, Pará e Rondônia
Lucas Araújo Camargos – Sócio e Diretor Técnico – TecTerra Geotecnologias
 
16h45 às 16h50: Intervalo 2
 
16h50 às 17h20: Inspeção de Plataformas de Petróleo, principalmente o case de áreas confinadas
Ricardo Santos – Executive Director | Grupo DR1
 
17h20 às 17h50: Desenvolvimento do Simulador em Realidade Virtual do britador Mobile Size Rigging-MSR
João Lucas Barros
 
17h50 às 18h: Conclusões e Encerramento
Eduardo Freitas – MundoGEO & DroneShow

 

Seminário: Geo & Drones na Agricultura e Florestas

29 de setembro – 14h às 18h

Este seminário vai reunir especialistas para apresentar as novas demandas e os casos de sucesso de soluções utilizando geotecnologias e drones na silvicultura de precisão.
 
As apresentações e debates vão envolver mapeamento, pulverização e estimativas de volume, manejo, identificação de falhas e doenças, suporte a aplicação de agentes químicos e biológicos, modelagem do terreno para facilitar a colheita, melhorar a produtividade e preservação ambiental.

Público-alvo: Especialistas e profissionais que atuam na produção e na prestação de serviços na área florestal.

Moderador: Emerson Granemann – DroneShow
É fundador e atual CEO da MundoGEO, empresa promotora de eventos e geradora de conteúdo nas áreas de geolocalização e drones. É coordenador dos Fóruns Empresariais destes setores. Engenheiro cartógrafo formado pela Universidade Federal do Paraná. Trabalhou no setor de produção cartográfica, onde constatou a necessidade de conectar produtores e usuários da geoinformação. Decidiu então criar o evento MundoGEO Connect. Recentemente, percebendo o imenso potencial das aplicações dos drones, criou a DroneShow com foco no profissionalismo do setor e na segurança das operações.

 

Programação:
 
14h às 14h10: Boas-vindas e introdução ao tema
Emerson Granemann – MundoGEO & DroneShow
 
14h10 às 14h45: O Estado-da-Arte no uso de Drones no setor Agrícola e Florestal
Lucio Jorge – Embrapa Instrumentação
 
14h45 às 15h20: Monitoramento em áreas de floresta plantada
Clewerson Frederico Scheraiber – Klabin
 
15h20 às 15h25: Intervalo 1
 
15h25 às 16h: Mitigação dos impactos do transporte de madeira em comunidades utilizando ferramentas de SIG / Registro de ocorrências florestais. Criação de um sistema de gestão utilizando a Integração Survey123 e plataforma Office 365
Cristiano Cardoso Stetz – Klabin
 
16h às 16h35: Utilização de drone em mapeamentos florestais para classificação do uso e ocupação do solo
Henrique Silva – Diretor – Terra Legal – Consultoria Ambiental e Fundiária
 
16h35 às 16h40: Intervalo 2
 
16h40 às 17h15: Restituição de linhas: diminuição de 1/3 de perdas no canavial
Fabrício Hertz – Horus Aeronaves
 
17h15 às 17h50: Previsão de Safra e Monitoramento de Produtividade de Batata : Utilização de imagens de satélites e imagens processadas por drone (Sensores RGB) em áreas produtivas do Brasil / Chile / México. (PepsiCo Case)
Marcello Ramos – Hummingbird Technologies
 
17h50 às 18h: Conclusões e Encerramento
Emerson Granemann – MundoGEO & DroneShow

 

Seminário: GIS & Big Data

30 de setembro – 14h às 18h

Este seminário vai reunir especialistas para apresentar as ferramentas e resultados de soluções inovadoras de integração da inteligência geográfica, ciência de dados e Big Data para tomada de decisões no setor público e privado.
 
Todas as organizações lidam com o desafio de buscar compreender e prever os fenômenos que afetam o seu negócio. A sociedade da informação e conhecimento exige uma maior capacidade de fazer análises mais profundos e também mais rápidas. O conhecimento geográfico alinhado as melhores práticas de TI estão revolucionando a maneira como as decisões são tomadas dentro das organizações. Vamos discutir desafios de implementação, cases de sucesso e as tendencias de mercado.”

Público-alvo: Especialistas em dados, gestores públicos e privados e prestadores de serviços relacionados.

Eduardo FreitasModerador: Eduardo Freitas
Coordenador de Conteúdos da MundoGEO & DroneShow

 
 

Programação
 
14h às 14h10: Boas-vindas e introdução ao tema
Eduardo Freitas – MundoGEO & DroneShow
 
14h10 às 15h20: Big Data, Data Science e GeoAnalytics
Eduardo Francisco – FGV
 
14h45 às 15h20: Geotecnologias no combate à Covid-19
Julio Ribeiro – Hubse
 
15h20 às 15h25: Intervalo 1
 
15h25 às 16h: Servidor de Imagens Geoserver em banco de dados espacial PostGIS
Clayton Barreto – Prefeitura de Guarulhos
 
16h às 16h35: Catálogo de imagens orbitais: Armazenar, distribuir e processar?
Luiz Pacheco Motta – IBAMA
 
16h35 às 16h40: Intervalo 2
 
16h40 às 17h15: Simulação de dados de mobilidade como estratégia para produção de análises sobre o transporte público
Rodolfo Oliveira Lorenzo EAESP – FGV
 
17h15 às 17h50: Tecnologia de posicionamento para atendimento da Resolução Normativa 861 ANEEL
Wesley Sato – Santiago & Cintra Geotecnologias
 
17h50 às 18h: Conclusões e Encerramento
Eduardo Freitas – MundoGEO & DroneShow

 

Faça sua inscrição antecipada do PASSAPORTE (valor único) com um SUPER DESCONTO e parcele sua compra em até 10x SEM JUROS!

Lembrando que as atividades acontecerão ao vivo, uma por dia, das 14h às 18h durante 21 dias úteis, entre 1 a 30 de setembro, menos nos fins de semana e no feriado de 7 de setembro, e poderão também ser acessadas em qualquer horário no replay, após o final do evento, até 31 de março.

Se você perdeu algum atividade, pode mesmo assim fazer sua inscrição e acessar o replay desta atividade.

Opção 1 – PASSAPORTE para assistir 84 HORAS de conteúdo e 70 PALESTRANTES (valor único para TODAS as atividades: 13 Cursos + 7 Seminários + 1 Fórum):

De R$ 1.099,00 por R$ 999,00 até 30 de setembro à vista ou em até 10x de R$ 99,90

 

Opção 2 – Valor para compra de cada atividade isoladamente:

De R$ 179,00 por R$ 167,00 até 30 de setembro à vista ou em até 10x de R$ 16,70

 

Inscrições para estrangeiros (sem CPF), acesse nossa loja através deste link
Parcelamento válido para pagamentos no cartão de crédito.

Certificados de Participação: Todos os inscritos nas atividades receberão um certificado de participação.

5 Bônus dos inscritos:
• Acesso aos conteúdos online ao vivo e após o evento até 31 de março de 2021
• Acesso à Plataforma de Conexões e Negócios, que vai permitir interações online durante o evento com demais participantes e os patrocinadores do evento
• Inscrição gratuita na Semana ONLINE Drones & Geo: Agricultura & Ambiental, de 26 a 30 de outubro de 2020
• Inscrição gratuita na Semana ONLINE Drones & Geo: Cidades & Infraestrutura, de 23 a 27 de novembro de 2020
• Acesso ao replay da Semana ONLINE: Resultados & Oportunidades com Drones, realizada de 1 a 5 de junho de 2020

ATENÇÃO: Para compra de 3 ou mais inscrições para uma mesma instituição ou empresa temos preços especiais. Fale conosco!

Entre em contato:
Telefones: (41) 3338-7789 | (11) 4063-8848
E-mail: contato@mundogeo.com | WhatsApp +55 (41) 999 191 357

Alterações na programação: os palestrantes e temas deste evento são confirmados durante a fase de estruturação do projeto. Contudo, substituições, alterações ou cancelamentos de palestrantes e temas podem ocorrer, decorrentes de caso fortuito e/ou força maior. Desta forma, a DroneShow reserva-se o direito de alterar o programa do evento, o que será divulgado na página da programação no site.

Patrocínio Diamante

Patrocínio Ouro

Patrocínio Prata

Apoio Institucional

Apoio de Divulgação